quarta-feira, julho 05, 2006

Uma sanduíche ultra-rápida

Um dia ocorreu-me de repente esta ideia, que, para mim, resultou.

Faça uma sanduíche de queijo flamengo (o açoriano é o meu preferido) com duas bolachas de água e sal da marca de que mais goste. Apare o queijo que sair delas. É mais rápido com bolachas quadradas. Leve-a ao microondas por segundos. No meu bastam 5, dependendo no entanto da grossura da fatia e da potência do aparelho, é óbvio. Também se forem mais pessoas a comer deve recalcular o tempo só para uma sanduíche por pessoa de cada vez. O queijo fica quente, a derreter mas não derretido, e as bolachas permanecem frias e estaladiças. Devem ser comidas logo à saída.

Quem esteja em dieta para a praia, tem de ter cuidado com elas. Parece que causam dependência e, para aumentar o perigo, fazem-se num ai.

A partir delas pode criar uma infinidade de variantes a seu gosto, inclusive mudar de queijo. Quanto a mim, é deste modo que as como.

Etiquetas:

4 Comments:

At 5/7/06 23:38, Blogger soledade said...

Experimentei. São excelentes! Particularmente com bolachas muito finas e estaladiças.

 
At 6/7/06 15:35, Anonymous O avental said...

Soledade, agrada-me muito que as tenha achado tão boas, e ainda mais a dica que me deu. As Cuétara e as Carr's, que se encontram mais ou menos em todo lado, preenchem esse perfil. Será dalguma destas que refere? Agradeço ter vindo desse lado direito, onde estão os "outros afectos" (alguns maiores do que este).

 
At 7/7/06 01:04, Blogger soledade said...

Produto nacional: "Bolacha de Água", da Triunfo, Proalimentar, redondinha e estaladiça, quase tão fina como a Carr's. Para esta sanduíche, melhor que a Carr's. As Cuétara de água e sal nunca as provei. Sou "viciada" nas da Triunfo e assevero que são muito boas :-)

 
At 10/7/06 02:41, Blogger o avental said...

Soledade, o código de barras dos pacotes de bolachas da Cuétara começa por 560, tal como as da Tiunfo-Proalimentar, o que quer dizer que produz em Portugal (já nem sei quem me ensinou isto). É uma fabrica espanhola instalada em Pombal, já do tempo da outra senhora. Na Triunfo-Próalimentar, não me custa aceitar que a maior parte da carteira accionista pertença a estrangeiros. Isso hoje é vulgar.

Entretanto, as bolachas de que fala são muito boas, sabem bastante a trigo :)

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home