sábado, setembro 23, 2006

Compota de pêssegos tardios

Uma azelhice informática minha levou-me quanto tinha em ficheiros nos Meus Documentos, incluindo as imagens que guardava da compota de pêssego que terminei há dias. E tão desanimado andei que nem estava para a pôr aqui. É de um pêssego de cuja variedade desconheço o nome, de pele parda e feia, mas com uma polpa linda, cor de vinho tinto, os frutos grandes, consistentes e aromáticos. É, de todos os pêssegos que sei, o mais serôdio. Aparece no tempo das vindimas e é comum por aqui. Tinha imagens deles, inteiros e já partidos, e do processo de elaboração, como é meu costume apresentar. Foi a cor da polpa, aliada ao aroma, que me trouxe a ideia da compota.

Utilizei o mesmo método de sempre e gomos do pêssego com casca. No entanto, é melhor descascar os pêssegos e juntar depois as cascas à calda para manter o aroma. A polpa é firme e aguenta-se sem se deformar.

A compota demorou 11 dias a chegar ao ponto (de cabelo), que a quantidade era bastante. Ficou muito aromática e a cor parece de ter levado vinho, sem ter uma pinga sequer: saiu como eu a imaginara.

No forno, durante meia hora a 100ºC, esterilizei frascos e tampas bem lavados e sem cheiros, que tivessem servido uma só vez a outra conserva ou doce (para a tampa vedar bem). Enchi-os com a compota acabada de ferver, tapei-os e mergulhei-os em água fria. Formei assim o vácuo necessário à boa preservação de qualquer conserva. Muitos destes frascos, como o da imagem de cima, são de iogurte Pianola, de 0,5L, uma delícia de iogurte simples, açucarado com glicose, que o Lidl vende (devia pagar-me a publicidade).

Etiquetas:

1 Comments:

At 17/1/11 19:08, Anonymous Anónimo said...

ola, sou portuguesa emigrada na suecia e quando era crianca os meus pais tinham desses pessegos mas a arvore morreu e eu nunca mais encontrei nem sei o nome deles!! em que parte de portugal o sr.vive? existe muito desses pessegos ai? ja procurei durante anos e ate aqui na internet mas nao aparece informacao nenhuma:-( poderia me enviar uma resposta por favor ? cumprimentos desde suecia. nina-sverige@hotmail.com e o meu mail. agradeciada desde ja.Mila

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home