sexta-feira, junho 23, 2006

A cor e a deslembrança



O licor de cerejas está desta cor. É uma foto de telemóvel.

Esqueci-me de dizer e de colocar algo que não permitisse as cerejas ficarem em contacto com o ar quando, passados uns dias, vêm à superfície. Pus ontem um bocado de papel de estanho alumínio alimentar (o comum), amassado, a mergulhá-las. Sucedeu que, embora rijas como as outras, algumas cerejas ganharam um tom castanho desagradável. Fica o esquecimento e a lembrança.

3 Comments:

At 26/6/06 02:55, Blogger soledade said...

Oxidaram, não foi? Perguntarei aqui à mestre licoreira (a minha vizinha upstairs)como trata dos seus licores que ficam sempre deliciosos.

 
At 6/7/06 10:30, Blogger Mónica said...

Já li várias receitas de Licor de Ginja e Ginginha.

Umas dizem para colocar o frasco à luz outras no escuro. Gostava de saber a sua opinião.

Obrigada!

 
At 10/7/06 03:12, Blogger o avental said...

Mónica: no escuro, porque a luz ajuda a oxidar a cor e a ficar castanha.

Só agora é que vi este comentário.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home