terça-feira, setembro 25, 2007

Pudim Real

Pois do fim-de-semana passado, sobra-me falar deste pudim que faço há anos, um pudim parecido, nas gemas e no açúcar, ao do Abade de Priscos, contudo mais elegante, devido ao aroma do vinho do Porto e da baunilha com que fica. Vem no livro de receitas Cozinha Regional Portuguesa, muito bom e honesto, de Maria Odete Cortes Valente, que já tenho aconselhado e torno a aconselhar.

Sou dos que pensam que temos uma cozinha e uma doçaria excelentes, muitíssimo variadas, embora em geral para o pesado. Um exemplo do que digo é este pudim, com uma fatia média a fornecer 295 kcal, uma bomba. No entanto, se tivesse imaginado uma sobremesa à volta deste pudim, podia usar um quarto de fatia e entrar com componentes leves, por exemplo um pouco de clara batida em castelo, cozida como para farófias, o pedaço de pudim em cima, uma tiras de massa brick, um copinho de shot com um sorvete light de framboesa ou apenas o seu puré bem fresco e também light, isto é, ligeiramente adoçado com um produto à base de aspartame. Teríamos uma sobremesa diferente e moderna, perto das 80 kcal, e preservaríamos a existência do pudim, que é divino.

Fiz o caramelo como é uso, mas espesso. Levei os restantes 425 g de açúcar a ponto de pérola (quando, ao nível do mar, a calda, atinge 108ºC. Quem tiver termómetro, terá de aferir o ponto de ebulição da água em sua casa; na minha, ferve precisamente a 98,6ºC, e desconto ao ponto de pérola a diferença. Portanto o ponto em minha casa é aos 106,6ºC). Bati ligeiramente, foi quase só misturar as gemas com o açúcar, e ficou a cozer em banho-maria, a tampa vedada com um pano entalado como se vê na imagem, o testo a fechar o tacho. Não vi o tempo que demorou, mas também esse varia com a altitude. Vi que estava pronto pelo velho método do palito. Deixei-o arrefecer por completo e pulo no frigorífico. Quando fui para o desenformar, bati na forma para descolar os lados e aqueci rapidamente o fundo no bico do fogão. Saiu perfeito. Sai sempre.

Etiquetas:

15 Comments:

At 25/9/07 13:29, Blogger Elvira said...

Ficou irresistível! Que se lixe o colesterol! ;-D

 
At 25/9/07 22:13, Blogger Marcel Miwa & Nina Moori said...

Gosto muito do pudim Abade de Priscos, com certeza gostarei deste.
bjo,
Nina.

 
At 26/9/07 00:07, Blogger receitinhas da belinhagulosinha said...

k maravilha este pudim...realmente merece mesmo o nome de real....bjokas

 
At 26/9/07 14:26, Blogger colher-de-pau said...

E eu que gosto tanto de um pudim bem feito... como este!
Divinal, como sempre!

 
At 26/9/07 22:07, Blogger Paula said...

Eu gulosa me confesso... teria comido a fatia inteira, sem remorsos!

 
At 27/9/07 08:36, Blogger kuka said...

Este meu amigo Avental é de um rigor extraordinário. Até eu, que tenho o sangue mais doce que uma colmeia, comia este pudim.

 
At 27/9/07 22:34, Blogger Caiano Silvestre said...

Li e subscrevo o comentário dos meus ilustres precedentes.

Ao da Elvira apenas acrescentaria "e os diabetes!"

Oh Antónia! Olha aqui o pudim que vamos fazer ainda hoje!

 
At 28/9/07 15:10, Blogger SAPO said...

Boa tarde.

Gostei muito das receits do seu blog e gosta de falar consigo...Importar-se-ia de me dar o seu mail?

Obrigada

 
At 30/9/07 23:22, Anonymous avental said...

O mal, Elvira e Caiano Silvestre, às vezes temos de perdoar o mal que nos faz pelo bem que nos sabe :)

 
At 30/9/07 23:24, Anonymous avental said...

Nina, conheço ambos, e prefiro este por ser, como disse, mais elegante.

 
At 30/9/07 23:26, Anonymous o avental said...

Gulozinha, sem dúvida que este pudim condiz com o seu nick :))

 
At 30/9/07 23:28, Anonymous avental said...

Colher de Pau, vai ver que um dia ainda abre um restaurante na blogosfera, e aí vamos poder ir provando as coisas boasdecada um de nós :)

 
At 30/9/07 23:30, Anonymous o avental said...

Paula, uma fatia não dá nem para 1 gr de remorsos :))

 
At 30/9/07 23:34, Anonymous Anónimo said...

Mestre, quando a gente faz um sem número de vezes a mesma coisa, acaba por fazê-la com segurança. E, depois, a doçaria, como sabe, requer mesmo exactidão.

 
At 30/9/07 23:40, Anonymous avental said...

Sapo (salvo seja), pode mandar para nndemp@gmail.com O do blogue está desactivado.

 

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home